Peça baseada na obra de Elson Farias vai ser encenada neste domingo, no auditório da ALL

O espetáculo começa às 17h

Compartilhe:

Neste domingo (12/1), às 17h, a Academia Amazonense de Letras (ALL) abrirá a sua Mostra de Teatro dos Imortais com a peça A feiticeira maravilhosa, baseada na obra homônima do escritor e poeta Elson Farias.

O espetáculo infantil será encenado pela Companhia de Teatro Interarte Produções, com adaptação e direção de Roger Barbosa.

No dia 26/1, será a vez de O homem que marcha, baseada na obra do mesmo nome do acadêmico Benjamin Lima (1885-1948), a ser encenada Companhia de Teatro Espatódea Trupe.

A entrada grátis.

As duas companhias foram selecionadas em edital da ALL, com apoio do Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa para financiamento da adaptação de obras até então inéditas.

O presidente da ALL, Robério Braga, lembrou que “os textos produzidos por imortais que nunca tiveram adaptação teatral e agora poderão chegar a conhecimento do público” por intermédio dos dois espetáculos.

Imaginário popular

A Feiticeira maravilhosa (Valer) conta a história, narrada em versos, de uma feiticeira que se transforma Iara amazônica.

As personagens vêm do imaginário popular regional que, ao longo dos anos se entremeou do imaginário de outras culturas advindas dos colonizadores.

Farias disse que ficou satisfeito com a montagem. “O diretor usou muitos elementos da natureza em um cenário muito dinâmico”, comentou.

“Seguimos as cores e estilos que levam a um conjunto interiorano para o núcleo das lavadeiras e das crianças. Para os personagens animais foram confeccionados bonecos a partir de cestos e abanadores” explicou o Diretor Roger Barbosa.

 Elson acentuou que escreveu a peça sem sugerir cenários ou outras situações que viessem a interferir na criatividade dos artistas.

“O resultado está muito bom. Agora é só assistir ao espetáculo”, disse, convidando o público.

O editor

Élson Farias possui uma vasta produção literária. Só na Editora Valer ele possui um portfólio de 32 obras, a maioria voltada para o público infanto-juvenil.

A Feiticeira maravilhosa faz parte da trilogia Teatro para corumins, que se completa com A buzina encantada e com Noite de Natal na floresta, todas narradas em versos.

O escritor e crítico literário Tenório Telles, também editor da obra, enfatiza no texto de contracapa:

“[…] Suas histórias fascinantes, com personagens do universo mágico regional [são] para ser encenadas nas escolas e conquistar o coração das crianças”.

Trechos do livro em fotos

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.