UEA/Tabatinga realiza colação de grau de 31 bacharéis do curso de Direito

Compartilhe:

A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) realizou, virtualmente, a colação de grau de 31 alunos da turma do Curso de Direito do Centro de Estudos Superiores de Tabatinga (Cestb/UEA).

A solenidade aconteceu nesta quarta-feira (17), às 9h, e foi transmitida ao vivo no canal da UEA no YouTube.

O orador da turma, Osmarino Rocha Rodrigues, agradece a Deus pelo fim desta etapa acadêmica, mas é grato, principalmente, por todos estarem vivos e com saúde.

“Quem imaginaria que estaríamos realizando a nossa tão sonhada colação, de forma virtual e em meio a uma pandemia mundial? Porém, vamos fazer com que o dia de hoje seja de alegria, celebração, vitória, gratidão e sentimento de dever cumprido. Grande parte da turma eram alunos de outros municípios, que deixavam seus entes queridos para vir em busca desse sonho, e poder proporcionar condições melhores de vida aos seus familiares. Hoje lhes digo: nada foi em vão”, disse o recém-formado em Direito.

O paraninfo da turma, professor Jefferson Rodrigues de Quadros, destacou sobre o valor de pessoas cuja colaboração foi determinante para o êxito do curso. “Agradeço também à UEA, pela oportunidade de viver e conhecer as amazonidades. Espero que os alunos que acabaram de ser capacitados, promovam efetivamente o desenvolvimento de uma região tão carente em relação às políticas públicas, assimetrias sociais e econômicas”, disse o professor, que afirma se sentir envaidecido ao ver que quase todos os alunos já exercem alguma atividade relacionada ao direito.

O vice-reitor da UEA, professor Cleto Leal, salientou sobre o quão importante é carregar um olhar sensível ao Interior e o Alto Solimões, e alerta aos alunos: “Você é do tamanho dos seus sonhos. Várias palavras foram ditas hoje: conquista, vitória, amor, dedicação… E são essas, entre outras, que vão ser guardadas com vocês e conosco, porque é uma interação que vamos levar para o futuro. Essa é a finalização de uma etapa que passaram após muitas dificuldades. A primeira turma de um curso sempre passar por obstáculos, mas vocês conquistaram essa grande vitória”, celebrou o professor.

Também participou da cerimônia, o reitor da Universidade, o professor Cleinaldo Costa, destaca a importância de, ao atuarem como agentes da justiça, os novos bacharéis se colocarem no lugar no outro, como ato de empatia. “A UEA finaliza, com a formatura em Tabatinga, turmas que efetivamente democratizam o ensino no nosso estado, e mais do que isso: oferta um ensino superior de qualidade. Justiça significa trazer equidade, diminuir assimetrias”, concluiu o professor Cleitor, que deseja luz na caminhada de cada formando, e que o dia de hoje seja de muita festa na casa de todos.


Fonte: UEA/Ascom

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.