Morre Preto Buretama, introdutor do “pão elétrico” em Parintins

Compartilhe:

Morreu hoje em São Paulo, vítima de Covid-19, o comerciante Raimundo Teixeira Cardoso, 83 anos, seu Preto Buretama, um dos ícones do empreendedorismo em Parintins (AM). Sua esposa, dona Vilma, continua internada, também em São Paulo, vítima da mesma doença.

Não são poucos os exemplos do tino empreendedor de Preto Buretama, mais um se destaca: o da introdução do pão elétrico em Parintins, como ficou conhecido o pão da primeira padaria da cidade com máquinas acionadas por energia elétrica, no começo da década de 1970.

Preto importou o maquinário de São Paulo, de onde trouxe, também, o padeiro para tocar o projeto. O pão elétrico tornou-se um sucesso retumbante, com a ajuda de robusta propaganda na rádio Alvorada, no alto-falante da dona Emerlinda, no bairro Francesa, e boca a boca.

Havia filas, permanentemente, na porta na padaria esperando as fornadas de pães mais tufados que os fabricados manualmente.

Waldenor Cardoso, sobrinho, lembra que, no auge do pão elétrico, a padaria do Preto chegou a desmanchar 35 sacos de trigo por dia. Antes, a demanda era de, no máximo, três sacos por dia.

Para dar conta da entrega nos pontos de revenda, os entregadores da padaria começavam a trabalhar à meia noite.

Ainda nessa área, Preto chegou a comprar maquinários para fabricar bolachas em Parintins, mas esse projeto fracassou por falta de mão de obra especializada local.

Esses projetos eram tocados em épocas que a energia elétrica era caótica, sem oferecer nenhuma segurança aos empreendedores mais ousados.

Preto também atuou na área de exportação de couros de animais silvestres, antes da proibição federal, e na agricultura como plantador, comprador e exportador de fibras de juta e malva.

Os filhos do casal são: Raimundo Cardoso e dona Vilma são pais de ex-vereador Ray Cardoso, da vereadora Márcia Cardoso, do médico Francisco Cardoso, da missionária Maristela Cardoso, Flávio Cardoso e César Cardoso.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.