Agenda Virtual destaca projetos contemplados na Lei Aldir Blanc

Compartilhe:

Projetos contemplados na Lei Aldir Blanc são destaques da Agenda Virtual

Os projetos contemplados na Lei Aldir Blanc, como os prêmios Feliciano Lana, Encontro das Artes e os editais da Prefeitura de Manaus, estão na Agenda Virtual, do Portal da Cultura.

A iniciativa da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa tem a proposta de divulgar artistas e estimular o público a conhecer trabalhos de diferentes segmentos, que reúnem centenas de trabalhadores da cultura em cada realização.

 Projetos

Entre os destaques está o “Passeio Virtual no Centro de Ciências e Saberes Tradicionais Kokama Antonio Samias”, localizado na comunidade Nova Esperança Kokama, no Ramal do Brasileirinho, e organizado por indígenas de Santo Antônio do Içá.

A estreia do projeto aprovado no Prêmio Feliciano Lana vai acontecer nesta sexta-feira (30/04), às 10h, no Facebook (Akik Akim), Youtube (Jardeline Costa) e Instagram (Estrela Santos), com a exibição de um vasto acervo sobre os aspectos culturais do povo Kokama.

O projeto “Instrumentos Musicais Tradicionais do Povo Sateré Mawé”, contemplado no Prêmio Feliciano Lana, vai ser apresentado da comunidade Waikiru, no Tarumã, também nesta sexta-feira, às 11h, pelo Facebook (wilasonandre.pereira) e Instagram (@wilasonandresateremawe).

Em uma oficina on-line, o público vai conhecer os instrumentos utilizados nos rituais do povo Sateré Mawé, com material reciclado e uma cartilha paradidática.

No sábado (1º/05) e no domingo (02/05), acontece o Festival Tribo vs Tribo, que chega à oitava edição e, desta vez, contemplado pelo Prêmio Feliciano Lana, vai ser transmitido na página Portal Hip Hop AM no Facebook.

No sábado, a partir das 10h30, a programação, sob comando do DJ Wkilla, começa com o grafiteiro Raiz Campos; exposição de fotografias virtuais; oficinas de breaking, com Wilton Aragão (BBoy Kboy) e de Hip Hop Dance, com Neto Rodrigues; bate-papo com Adriano Art96 e BBoy Deryo, ambos da organização Movimento Hip Hop Manaus; performance do grupo de Rap Motiro Clã; e as batalhas de MC, com WMC e Mineiro na bancada de júri.

No domingo, às 13h, com apresentação dos DJs Carapanã e NC, tem bate-papo com Dirley Duarte (Maiko DMD), fundador e organizador do Movimento Hip Hop Manaus – MHM 1996, Cypher Externas; exposição de fotografias; graffiti; Rap Lutero e Logan Beatbox; e as batalhas de grupo 2 vs 2 breaking, com os jurados Roxo, Drika, de Manaus, e Machet, da Venezuela; enquanto que, para a modalidade de Hip Hop Dance 1 vs 1, o jurado vai ser Neto Rodrigues.

De 7 a 9 de maio acontece a primeira edição do “Vamos Tocar? Curso de Férias para Violinistas”, aprovado no Prêmio Feliciano Lana. A programação conta com aulas em grupo, workshops e masterclasses na plataforma Zoom. Entre os professores confirmados estão Cármelo de Los Santos, Déborah Santos, Keeyth Vianna, Otto Pereira e Márcio Gomes. Mais informações podem ser obtidas pelo Instagram (@projetovamostocar).

Nos dias 10 e 11 de maio, a partir das 15h30, tem “Reggae Folia Lives”, projeto contemplado no Prêmio Feliciano Lana, no canal do Reggae do Norte no Youtube. Entre as atrações estão as bandas Johnny Jack Mesclado, Groovibe, Medynah, Jáhraqui, Nossas Raízes, o cantor Cileno e os DJs Carlos Ferraz e Tubarão. Os shows vão acontecer no Espaço Tucandeira, com assinatura do Circuito Reggae Amazonas na produção.

De 13 a 16 de maio, o projeto “Mãos que Transformam a Amazônia”, contemplado no Prêmio Feliciano Lana, vai capacitar 30 mulheres das regiões periféricas do município de Iranduba a trabalharem com papelaria personalizada, para incentivar a independência financeira.

O curso, das 9h ao meio-dia, na Associação de Amparo às Mulheres de Iranduba, tem o comando da publicitária Paula Carolinny, que atua na área há seis anos. No curso, elas vão aprender o processo de criação, corte e acabamento de embalagens para bombons.

No dia 15 de maio, às 10h, acontece o lançamento do site Amazônia em Quadrinhos (amazoniaemquadrinhos.com). O projeto, contemplado no Prêmio Encontro das Artes, consiste na produção de duas histórias em quadrinhos voltadas para as temáticas ambientais amazônicas.

As histórias em quadrinhos também vão ser disponibilizadas por meio de um aplicativo, que, após ser baixado, pode ser usado no modo off-line para ler as HQs. O principal objetivo das HQs é auxiliar na construção da percepção ambiental dos alunos do ensino fundamental II das escolas públicas do município do Rio Preto da Eva.

Jander Manauara

No dia 15 de maio, às 15h, também acontece o lançamento do DVD “Do Rip Rap ao Flutuante”, de Jander Manauara, contemplado no Prêmio Feliciano Lana. Com mais de 20 anos de atuação no Hip Hop e representatividade no ativismo de causas do meio ambiente, o artista vai exibir, no canal Jander Manauara no Youtube, diversas músicas da carreira em apresentações gravadas em dois ambientes, o rip rap da Redenção e o Espaço Tucandeira, além da participação de convidados, como Fabiano Barros, em performance com o personagem Recicla Tempo.

O cenário todo sustentável, do PET ao graffiti, é produzido pela artista plástica Eliana Chaves, além da equipe do projeto Reusa, da Fundação Amazonas Sustentável (FAS). A direção geral é de Giuliana Fletcher, com produção da Pela Beira Produções, Orígenas e gravações realizadas pela La Xunga Produções.

A primeira edição do “Olhar Curumim”, contemplado no Prêmio Feliciano Lana, apresenta uma oficina de fotografia básica com acessibilidade para surdos, vai acontecer nos dias 22 e 23 de maio, no Casarão da Inovação Cassina, na rua Bernardo Ramos, 290, no Centro. O curso oferece 30 vagas e vai ser ministrado pelo produtor audiovisual João Lira.

Nos dias 28 e 29 de maio tem “Live Paint Yapai Waina”, primeiro festival internacional de graffiti aprovado no Prêmio Feliciano Lana e com foco em artistas urbanas do Amazonas.

A transmissão vai ser pelo Facebook Yapai-Waina-Festival-de-Graffiti, com Chermie Ferreira, Kina Kokama, Tina Guedez e Rakel Caminha, direto da Galeria do Largo.

Cadastro

Para cadastrar o projeto, basta acessar o link http://bit.ly/aldirblancagenda e preencher as informações no formulário. Em seguida, o evento será disponibilizado em cultura.am.gov.br.

A programação é divulgada ainda nas redes sociais da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (@culturadoam), como Facebook e Instagram.

As inscrições podem ser feitas por meio do WhatsApp (92) 99988-9582 ou Instagram (@joaolirafotografia).

Segundo o titular da pasta, Marcos Apolo Muniz, toda semana, a Secretaria de Cultura e Economia Criativa apresenta propostas na fase de execução para que o público possa acompanhar por meio das plataformas digitais.

Ele destaca que a Agenda Virtual faz parte da campanha Cultura Sem Sair de Casa e oferece ferramentas para ampliar a visibilidade de artistas e produtores culturais que precisam se reinventar no período de isolamento social por conta da Covid-19.

“Queremos oferecer apoio a todas as iniciativas da classe artística para driblar a crise ocasionada pelo impacto do novo coronavírus e colocamos à disposição todas as ferramentas disponíveis na nossa pasta. Sempre que possível, também acompanho pessoalmente a execução dos projetos contemplados nos prêmios Feliciano Lana e Encontro das Artes”, afirma o secretário.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.