Sinteam indica que professores só retornam às salas de aula após vacinação

Compartilhe:

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores  em Educação do Estado do Amazonas (Sinteam), Ana Cristina Rodrigues, disse que a categoria é contrária à proposta do secretário da Semed, Pauderney Avelino, de que as aulas presenciais na rede municipal de ensino se reiniciem até o final deste mês.

Ela apresentou esse posicionamento na rádio CBN, programação local, logo após o secretário, na mesa emissora, anunciar o adiamento do retorno às aulas presenciais no próximo dia 18/5, mas garantindo que isso ocorria até o final do mês.

Ana Cristina explicou que os professores querem retornar às salas de aula o mais rápido possível, porém, somente após a vacinação de todos os trabalhadores do setor.

Segundo ela, a categoria já perdeu mais de 200 trabalhadores para a Covid-19.

Alertou, também, que a maioria dos prédios “escolares” é  alugada e não se adequa aos padrões exigidos pelos organismos sanitários internacionais que monitoram a pandemia da Covid-19.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.