Festival Literário Internacional do Xingu homenageia Dom Erwin Krautler

Compartilhe:

Nos dias 3, 4 e 5 de novembro de 2021, ocorrerá a terceira edição da Festa Literária Internacional do Xingu (FLIX), em Altamira.

O evento visa promover o diálogo e a interação de escritores nacionais e internacionais, sobretudo, com destaque às representações literárias regionais.

A programação vai se dar de maneira presencial e virtual, como no caso do homenageado deste ano, o bispo emérito e escritor do Xingu Dom Erwin Krautler, que participará do evento de forma virtual, por se encontrar fora do país no período do evento.

Desde a sua primeira edição em 2017, a FLIX tem proporcionado um novo cenário cultural à cidade de Altamira e à região, sendo responsável por destacar produções literárias de escritores e escritoras da região do Xingu e do estado do Pará como um todo.

A FLIX também apresenta obras de escritores de âmbito nacional e  internacional, porém sempre com destaque para temática da Amazônia e do Xingu, o que levou à Câmara dos Deputados Federais, em uma sessão solene, em homenagem aos eventos culturais do Oeste do Pará, a conceder uma comenda à FLIX como um dos melhores eventos culturais da região.

A edição deste ano vai destacar a luta e os esforços do bispo emérito do Xingu Dom Erwin Krautler, que, há mais de 50 anos, atua em defesa das causas indígenas na região.

O bispo emérito é escritor e produziu o livro No Coração da Amazônia – Depoimento de dom Erwin Kräutler, no qual relata as suas experiências missionárias e o ativismo em relação às problemáticas existentes na Amazônia.

“A escolha de homenagear o bispo emérito Dom Erwin Krautler foi uma forma de prestigiar toda a sua trajetória e luta pelos povos do Xingu e pelos povos da Amazônia como um todo.  Foi escolhido duas vezes como presidente do Conselho Indiginista Missionário (CIMI), intitulado como Doutor Honoris Causa pela Universidade Federal do Pará (UFPA), e é membro da Academia Altamirense de Letras”, explica a criadora e coordenadora da feira, professora doutora Maria Ivonete Coutinho da Silva.

Programação

A FLIX apresentará uma programação diversificada, serão oferecidos estandes com obras da literatura de âmbito regional e internacional.

O evento incluirá, ainda, lançamentos de livros, exposições de arte, fotografias, artesanato e produtos agroflorestais, oficinas com temas variados, mesas temáticas, conferências com palestrantes internacionais (Portugal, Moçambique e França), apresentações culturais diferenciadas e shows de artistas paraenses.

Além disso, a FLIX contará com a participação do escritor e líder indígena Ailton Krenak (virtual), do escritor paraense João de Jesus Paes Loureiro (virtual), da cantora Lucinha Bastos e de várias outras personalidades de renome nacional e internacional.

“Após três adiamentos por conta da pandemia, voltaremos a realizar com grande alegria e esperança de que tudo ocorra bem. Estamos entusiasmados, pois se trata de um evento que envolve a sociedade como um todo, como a classe trabalhadora, pescadores, ribeirinhos, indígenas e instituições públicas e privadas. Assim, fomentando a cultura e a economia local”, conclui a criadora e coordenadora, Maria Ivonete.

A feira obedecerá às recomendações feitas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em relação ao distanciamento social e ao uso de máscara e álcool em gel. Saiba mais sobre a programação na página do evento.

Mais informações no perfil da Flix no Instagram.


Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da UFPA

Texto: Leandra Souza

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.