CBL revela os cinco finalistas de cada categoria do 63º Prêmio Jabuti

Compartilhe:

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) divulga a lista dos cinco finalistas de cada uma das 20 categorias do prêmio. Clique aqui para conhecer os livros em ordem alfabética. Os vencedores serão revelados na cerimônia de premiação, que acontece no dia 25 de novembro, às 19h, pelo Youtube da CBL.

O editor e tradutor Marcos Marcionilo é o responsável pela curadoria da 63ª edição da grande premiação do livro brasileiro. No conselho, que selecionou os jurados, há especialistas e profissionais de diversas áreas do conhecimento: Ana Elisa Ribeiro, Bel Santos Mayer, Camile Mendrot e Luiz Gonzaga Godoi Trigo. Para conferir o perfil de cada um deles, basta clicar aqui.

Vitor Tavares, presidente da CBL, celebra o crescimento da procura das editoras no prêmio em uma edição tão importante. “Este ano houve 3.422 inscrições, 31% a mais de obras inscritas do que em 2020.  E, nesta edição, que celebra o nosso grande escritor Ignácio de Loyola Brandão, esse número prova uma perspectiva cada vez mais otimista com o futuro da nossa literatura”, afirma Vitor. “São mais de seis décadas construindo notoriedade e estamos muito contentes em saber que o prêmio mantém-se relevante para os amantes da leitura e representantes da indústria produtiva e criativa do livro”, explica.

A 63ª edição do Prêmio Jabuti

Neste ano, o Prêmio Jabuti homenageia um verdadeiro símbolo: Ignácio de Loyola Brandão. Autor de 47 livros e membro da Academia Brasileira de Letras, a Personalidade Literária do ano também coleciona prêmios, entre eles, cinco estatuetas do Jabuti.

Além disso, a 63ª edição do prêmio traz novidades em sua estrutura. Em 2021, o eixo Livro transforma-se em Produção Editorial. Já o eixo Ensaios, agora, é Não Ficção. As categorias, porém, continuam separadas em quatro eixos temáticos: Literatura, Não Ficção, Produção Editorial e Inovação.

A categoria Livro Brasileiro Publicado no Exterior — uma parceria da CBL com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil)  — , que condecora as editoras nacional e internacional da obra vencedora, passa também por mudanças. A partir desta edição, além da famosa estatueta em forma de jabuti, a casa editorial brasileira é contemplada com uma Bolsa de Apoio à Tradução no valor de R$ 5.000,00. O montante poderá ser utilizado para traduzir um novo título do português para qualquer outro idioma. Caso a editora não seja participante do Projeto Brazilian Publishers, ela receberá a filiação completa por 12 meses. A editora estrangeira receberá a estatueta.

Clique aqui e acesse o site para conferir a lista de jurados e todos os detalhes da 63ª edição.


Fonte: CBL

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.