Capes explica como concorrer à Universidade Aberta do Brasil

Compartilhe:

O Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) classificou 121 instituições de ensino superior (IES) na primeira fase do Edital nº 9/2022.

A oferta inclui 131 mil vagas para cursos de licenciatura e especialização latu sensu. Cada IES será responsável por organizar o próprio processo seletivo e apresentar edital e chamada para os cursos, conforme seu calendário letivo.

Para concorrer a uma vaga na formação inicial (licenciatura), a exigência é a mesma de qualquer outro curso superior: a conclusão do ensino médio. Já as especializações latu sensu, são voltadas, exclusivamente, para a formação de profissionais graduados que atuam na educação básica, pública ou privada.

Carlos Lenuzza, diretor de Educação a Distância e de Formação de Professores da Educação Básica da CAPES, reforça que os candidatos precisam acompanhar “diretamente a instituição de ensino de seu interesse e ficar atentos às chamadas próximas à sua localidade”. Ele explica que não cabe à Fundação convocar para a inscrição dos alunos.

A segunda etapa do edital está com término previsto para a primeira quinzena de maio. Ela trata de 20 mil vagas, divididas igualmente, para a formação no campo da Administração Pública – nas esferas municipal, estadual e federal –, e às demandas sociais e regionais.

Sobre a UAB
Criado em 2006, o Sistema UAB leva a universidade pública a locais distantes e isolados do País pela modalidade educação a distância (EaD). Isso facilita iniciativas que estimulam a parceria governamental — federal, estadual e municipal — com 139 instituições de ensino superior.

O objetivo é contribuir para a Política Nacional de Formação de Professores, com ofertas de vagas prioritariamente voltadas ao preparo de profissionais para trabalhar com a educação básica. Atualmente, são cerca de 130 mil alunos ativos, em 967 polos instalados em 850 municípios brasileiros.


Fonte: CCS/Capes

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.