João Pedro lança livro Nossas Utopias em 6 de maio, na Banca do Largo

Compartilhe:

O ex-senador João Pedro Gonçalves (PT-AM) vai lançar no dia 6 de maio o livro Nossas Utopias – a esquerda de Manaus em 13 atos (Valer), uma revisita à história contemporânea da esquerda amazonense e brasileira, por meio de episódios vividos por ele e outros personagens dos movimentos sociais e políticos.

O lançamento do livro acontecerá às 18h, na Banca do Largo, Largo de São Sebastião, no entorno do Teatro Amazonas, Centro.

João Pedro revisita lugares e episódios históricos vivenciados por ele e por outras personagens políticos da esquerda nos últimos anos no Amazonas.

“Comecei a vasculhar o velho baú que carrego comino nesses quarenta anos de militância política e que reúne muitos materiais – fotografias, panfletos, textos, jornais, cópias de documentos e rascunhos de reuniões”, anuncia João Pedro, na introdução da obra.

Para ele, o momento para remexer nessa memória é propício, porque remete a atos de uma juventude corajosa, ousada, que, somada a milhares de brasileiros, foi às ruas para pôr fim ao ciclo militar, marcado por atos de exceção e pela absoluta falta de liberdade.

A obra está organizada em capítulos que vão desde a sua participação no movimento estudantil, nas décadas de 1970 e 1980, passa pela atuação no parlamento municipal e estadual, até a Caravana da Cidadania (também conhecida como Caravana das Águas), a viagem de campanha do ex-presidente Lula entre Manaus (AM) e Belém (PA), em 1994.

A Caravana das Águas levou Lula até Parintins, Urucurituba e Barreirinha, onde ele participou da dança da tucandeira com os indígenas da etnia Saterê-Maué.

O livro narra ainda as articulação e deflagração da primeira greve dos trabalhadores do Distrito Industrial de Manaus e do desaparecido político amazonense na ditatura militar, o jovem parintinense Tomaszinho Meirelles.

“Passei a escrever fatos, momentos que a esquerda tomou para si, e foi protagonista. Vamos lançar o livro na banca do seu Joaquim, uma banca que vende livros sobre a Amazônia. Será numa sexta feira, deveremos ter voz e violão, de um artista amazonense’, afirmou.

O autor também relata sua infância em Parintins, sua terra natal e traz ainda dezenas de fotografias que registram os momentos históricos e dos bastidores da política no Amazonas.

João Pedro esteve em Parintins e conversou com a imprensa no Salão das Artes do Mercado Municipal Leopoldo Neves.


Fonte: amazONamazonia. com.br, com deamazonia.com.br

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.