Reitor da UFPA e reitora da Ufopa reúnem-se para discutir parcerias

Compartilhe:

O reitor da Universidade Federal do Pará (UFPA), Emmanuel Zagury Tourinho, recebeu, na tarde desta quarta-feira, 22 de junho, a visita da reitora e da vice-reitora da Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA), Aldenize Ruela Xavier e Solange Helena Ximenes Rocha, respectivamente. Os dirigentes discutiram parcerias e desafios da atuação das universidades na Amazônia.

A reitora da UFOPA, Aldenize Xavier, nomeada em abril deste ano para o cargo, fez a primeira visita à UFPA para estabelecer o contato com a instituição. Apesar de já ter sido vice-reitora na gestão anterior, inicia novo período de diálogo com a federal paraense.

Para a gestora, “a UFPA e a UFOPA são instituições mãe e filha e queremos continuar a parceria. Em nossa comunidade na UFOPA sempre ouvimos as manifestações de respeito e admiração pela UFPA. Temos a UFPA como referência para vários processos”.

Aldenize apresentou ao reitor da UFPA alguns desafios de pesquisa e extensão com os quais a instituição tem lidado no oeste paraense. Por exemplo, a contaminação histórica das águas do Rio Tapajós por mercúrio e os modelos de trabalho no garimpo, com sérios impactos sociais gerados pela atividade mineradora no Baixo Amazonas.

“Há localidades em que os nossos pesquisadores não entram, não podem entrar. Então há muito a ser conhecido e sistematizado cientificamente”, conta a reitora.

O reitor Emmanuel Tourinho reiterou a disponibilidade e interesse da UFPA em ampliar parcerias com a UFOPA, com ganhos recíprocos.

“A UFPA tem um apreço especial pela UFOPA porque estamos na origem da instituição e queremos manter sempre uma relação colaborativa. Temos muitas interações de nossos grupos de pesquisa com grupos da UFOPA e estamos à disposição para dialogar para estabelecer novas frentes de cooperação, com benefícios para ambas as universidades”, pontuou Emmanuel Tourinho.

Os dirigentes ainda conversaram sobre os recentes contingenciamentos e cortes nos orçamentos das universidades federais, que impõem sérios problemas para a manutenção das instituições até o final deste ano. Também discutiram a importância de uma atuação conjunta dos reitores das universidades federais paraenses para negociação junto à bancada parlamentar do estado, em busca de maior apoio às instituições em pautas que envolvem o financiamento da educação e da ciência no país.

O reitor da UFPA ainda enfatizou o papel estratégico das universidades na Amazônia: “Precisamos integrar mais os esforços de pesquisa e de promoção da cidadania nas Amazônias. As universidades têm um papel fundamental a desempenhar na região. Mais do que promovermos iniciativas isoladas, precisamos falar coletivamente sobre a realidade da região”.


Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional da UFPA

Compartilhe:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.