Dabacury: a festa tribal da felicidade!

Para escrever sobre o dabacury, busquei no escaninho de casa um livro Antes o Mundo Não Existia, de autoria Luís Lana e Firmiano Lana, pelo qual expuseram ao mundo na cosmovisão do seu povo indígena, o Dessana, habitante da bacia do rio…

Sucuyê Wera (2). O desencanto de Honorato.

As crianças indígenas Mawé gozam da primazia do cuidado, do carinho e da criação coletiva pelas assey’s da tribo. Assim, Honorato e Caninana foram criados no mundo infantil de felicidade, na cabeceira do rio Andirá. Porém, ao entrarem na…

Sucuyê Wera: o encantamento de Honorato.

Diz a lenda que, não faz muito tempo, uma bela virgem sateré-mawé foi se banhar no rio. De repente, sob o sol escaldante, mesmo com corpo dentro d’água, ela percebeu que seu corpo suava e expelia uma secreção gosmenta. Ela não sabia dizer o…

O bispo, o boto e o “povo credulão”

Diz a lenda: Que nos tempos em que o dom Arcângelo Cérqua comandava com zelo e desvelo a Prelazia de Parintins, descobriu, casualmente, em conversas com seus confrades que, nove meses após as festas dedicadas aos santos, aparecia uma…

As folhas encantadas de canarana

A história que vou contar ocorreu na cidade Novo Airão, localizada na margem direita do Rio Negro, a 197 km de Manaus, durante a festa de Santo Antônio, o padroeiro do município, em 2019. A população de Novo Airão é composta por muitos…