Navegação na tag

Poesia

Em busca do anjo bêbado

Disposto mesmo a encontrar o Anjo bêbado, comecei a mapear livro por livro na prateleira onde repousam os cronistas que me acompanham desde sempre. Lá estavam mostrando a cara Fernando Sabino, Rubem Braga, Raquel de Queiroz, Sérgio Porto. E…

Sentir é preciso; entender, nem sempre

Dia desses me peguei murmurando sem que nem pra quê, como disse o Chico em uma de suas canções, os versos de uma música de Silvio Caldas e Orestes Barbosa. E, como outras vezes e há tanto tempo, me deixei seduzir sobretudo pelas imagens…

Um ralho de amor

Quem teve a feliz oportunidade de viver uns poucos momentos com o poeta Thiago de Mello aprendeu o quão grande era a sua grandeza como ser humano. O poeta amava a verdade, daí que sua afiada verve fervia quando as coisas, as falas ou as…